sábado, 19 de julho de 2008

DERCY GONÇALVES by Marco Angeli


Ontem, morreu Dercy Gonçalves, aos 101 anos.
Sempre, desde que me conheço por gente, fui fã dela.
Assim como fui de Abelardo Barbosa, o Chacrinha, um dos
maiores comunicadores que este país já teve.
Dercy, na sua eterna juventude, foi reverenciada como
uma das pioneiras do teatro no Brasil.
Dercy se auto considerava uma criativa.
Os caras que escreviam os scripts para suas falas que
o confirmem...ela modificava tudo conforme atuava,
e suas atuações são inesquecíveis.
Forte, briguenta, lutadora, fez sua vida como quis.
À respeito de sucesso, sempre disse se considerar
apenas e nada mais do que uma sobrevivente.

video

Algumas da Dercy, que peguei aqui e alí:

'Que rica porra nenhuma! Mostrei minha bunda,
mostrei tudo, não ganhei nada!
Quase fui presa pela censura no teatro São Caetano.
Eu tinha carteira de puta.'

em entrevista para Sílvio Santos

'Nunca tive transa, cara. Nunca fui mulher de
tá trepando com ninguém. Minha vida era
sobrevivência, não voltar pra pobreza.'

em entrevista para Sílvio Santos

'Tenho meu Deus dentro de mim.
Eu ajudo Deus!
Ele tem uma perseguição comigo danada!'

em entrevista para Sílvio Santos

'Nunca fui estrela porra nenhuma!
Estrela foi Jesus Cristo, estrela é ele, que não
precisa de mídia.
Ninguém é estrela, tudo acaba.'

em entrevista para Hebe Camargo

Hebe Camargo, entrevistando Dercy:
'
Vou te falar uma coisa muito importante:
Você sentou nas minhas fichas do programa!'

Dercy, respondendo:
'Puta que pariu!!!!!'

'Não guardo rancor, nunca guardei.'

em entrevista para sílvio Santos

'O segredo da vida é se amar.'

em entrevista para Hebe Camargo

'Ninguém é mais feliz que eu.
Se acordar amanhã, tá maravilha.'

video

Dercy tinha um banheiro gigantesco, seu orgulho,
de cinema mesmo. E seu quarto tinha enormes cortinas
douradas. E na sua cozinha ninguém mexia,
além dela. Isso tudo ficou.
Mas o céu...o céu jamais será o mesmo, depois que
ela chegou...
Bjs, querida, e esteja com Deus, ele vai rir muito com você.

Marco Angeli, 20 de julho de 2008

5 comentários:

  1. "Impagável" a entrevista da Dercy no Programa do Jô...assistí inúmeras vêzes. Rí e chorei ao mesmo tempo...
    elisa

    ResponderExcluir
  2. Uma simples homenagem a quem jamais desistiu de seus sonhos: Dercy Gonçalves

    Havia um tempo em que valia a pena sonhar.
    Havia um sonho para cada desejo.
    Êles eram fáceis de serem sonhados, porque não tinham endereço certo.
    Eram apenas sonhos, doces sonhos.
    Lágrimas? Só se fôssem de alegria.
    Alegria de viver, de saber que estrada longa não era problema, era oportunidade de caminhar,
    de conhecer outros viajantes,
    outros sonhadores em busca de seus ideais.
    Às vêzes vinham as tempestades.
    Também, não havia o que temer.
    Tempestades, servem para purificar e renovar o ar.
    Depois, tudo fica mais claro,
    mais fácil de se enxergar longe.
    A escuridão da noite, também tem seus mistérios,bem mais reveladores
    que a claridade do dia.
    Quando a escuridão surge, é preciso
    aguçar outros sentidos,
    é preciso deixar o vento mudar
    as coisas de lugar.
    Raízes profundas só servem para proteger quem busca a sombra
    das grandes árvores.
    A solidão não existe.
    Ninguém caminha desacompanhado.
    Há os sonhos.
    Há esperança.
    O tempo é algo que se faz do jeito que se quer.
    Não há necessidade de pressa.
    Tudo é uma questão do sonho a ser sonhado, dividido e saciado.
    A dor da perda, não é dor,
    é apenas a movimentação do desapego.
    Quando tudo está tranquilo, até uma suave brisa solta
    o que está agarrado.
    Querer segurar é bobagem,
    a natureza não permite.
    Há que se continuar sonhando, eternamente.

    elisa

    ResponderExcluir
  3. Muito linda sua homenagem. Eu aprendi várias coisas com esta Diva, eu a admiro até hoje...
    Uma vez em uma entrevista na tv não me lembro quem a entrevistou, pois eu era muito pequena, ela disse o seguinte:"Amor é de mãe p/ filho , homem e mulher é sexo mal curado"...nunca mais esqueci esta frase. Hoje sou uma mulher mãe de dois filhos, viúva duas vezes e separada do terceiro relacionamento, parece apenas uma pequena frase, mas na minha vida tem um grande significado... Amo essa mulher até hoje...

    ResponderExcluir
  4. Muito linda sua homenagem. Eu aprendi várias coisas com esta Diva, eu a admiro até hoje...
    Uma vez em uma entrevista na tv não me lembro quem a entrevistou, pois eu era muito pequena, ela disse o seguinte:"Amor é de mãe p/ filho , homem e mulher é sexo mal curado"...nunca mais esqueci esta frase. Hoje sou uma mulher mãe de dois filhos, viúva duas vezes e separada do terceiro relacionamento, parece apenas uma pequena frase, mas na minha vida tem um grande significado... Amo essa mulher até hoje...

    ResponderExcluir
  5. Entrei e levei...obrigado!

    ResponderExcluir